Em uma semana a Rede Diocesana de Rádio perdeu dois de seus colaboradores e um ex – colaborador, vítimas da COVID – 19.

Guinter Rodrigues da Rádio Serra Azul de Caiapônia e Edy Robe, ex- repórter esportivo da Rádio Vale da Serra de São Luís de Montes Belos faleceram no início da semana passada, e neste domingo, dia 21 de março, morreu na UTI do Hospital Vital de São Luís o radialista Roberto Cassiano, que trabalhava na RVS desde meados de 1993.

Ele se destacou como repórter esportivo, âncora de jornadas esportivas e jornalismo e ainda como animador de programas musicais. Roberto tinha 46 anos e era um amante do rádio.

A diretoria da RDR decretou que nesta segunda, dia 22 de março, a programação da Vale da Serra será sem a presença de locutores no estúdio, respeitando o luto, e na terça dia 23 o Jornal RDR que é apresentado das 11h às 12h será todo em homenagem ao Roberto Cassiano. Lidiane Oliveira, uma das diretoras, disse que essa é uma forma da equipe da emissora manifestar sua gratidão a um dos ilustres colaboradores que nos deixa prematuramente.

Dom Lindomar Rocha Mota, Bispo Diocesano e Presidente das Fundações Dom Stanislau e Juvenal Roriz deixou uma mensagem para este momento:
“Hoje, com enorme sentimento de perda, despedimo-nos de outro colaborador de nossas Fundações. Voltou para a casa do Pai, o nosso Radialista Roberto Cassiano, vitimado, infelizmente, pela COVID. Aos seus colegas de trabalho, amigos e familiares as nossas mais sinceras condolências neste momento tão difícil para todos nós!”