As últimas da RDR

São Luís de Montes Belos, 06 de março de 2020

Prezados irmãos Presbíteros, diáconos, religiosos (as), seminaristas, agentes de pastoral, leigos e leigas, saudações cordiais em Cristo Jesus.

Solicitado por alguns Padres e conhecendo as posições tomadas por algumas Dioceses quanto a comportamentos a serem assumidos nas celebrações por causa do corona vírus, minha orientação é a seguinte:

Por enquanto não vejo a necessidade de baixar normas na Diocese. Cada um siga a lei do bom senso sem criar alarmismos desnecessários. Se, em sua comunidade quer eliminar o abraço da paz ou permitir a comunhão somente na mão ou na boca, faça com toda liberdade. Acredito que, se seguirmos corretamente as orientações do Ministério da Saúde, será o necessário por enquanto. O dia em que as autoridades civis baixarem normas, nós acompanharemos. O dia em que a CNBB nos oferecer indicações concretas, como Diocese as seguiremos sem problemas. Não nos deixemos pegar por uma psicose coletiva, criando alarmismos antes da hora. Prevenir sim, alarmar não.

Com um abraço amigo,

Dom Carmelo Scampa

Administrador Apostólico

>