Chapa encabeçada por Danilo Gleic nas eleições 2020 obteve vitória em um processo julgado nesta segunda-feira, 05/04, na 25ª Sessão Plenária Ordinária do TRE/GO por videoconferência.

A notícia de possível irregularidade eleitoral, ocorrido nas eleições, foi feita pela coligação adversária Competência e Experiência encabeçada por Amarildo Martins (DEM).

A representação eleitoral era que a chapa Menos Promessa e mais resultados, do então candidato a prefeito e vice, Danilo Alves dos Santos e Sávio Gomes do Nascimento (CIDADANIA), que teria cometido propaganda irregular na internet.

Danilo Gleic, então candidato, procedeu com propaganda paga na internet ferindo a legislação eleitoral, por não expor na propaganda a inscrição do CNPJ do candidato e nem a expressão propaganda eleitoral.

O Juiz da 53ª zona eleitoral condenou os denunciados ao pagamento de multa de R$ 5 mil, a defesa recorreu, argumentou que ficou provada do que se tratava, e apresentou provas de pagamento feito com recursos da campanha, e que ficara claro que era propaganda eleitoral e de que se tratava de Danilo Gleic. Por unanimidade foi acatada a tese da defesa pelo TRE GO.