JORNAL RDR – 26 DE JULHO DE 2021 – SEGUNDA-FEIRA

Futebol – Atlético vence o Santos e é 7º no Brasileiro da Série B
Futebol – Os Clubes Goianos no Campeonato Brasileiro No final de semana. Começando pela série D, três equipes de Goiás estão nessa competição Grupo 5. Sábado o Goianésia fez bonito, jogando em casa, estádio Valdeir José de Oliveira confirmou a sua liderança com vitória de 2 a 1 contra o visitante Gama, continua liderando com 16 pontos. O Goianésia volta a campo agora domingo, dia primeiro de agosto quando enfrenta a Nova Mutum no estádio VALDIR DOILHO WONS as 16h

A Aparecidense também foi bem nesta 8ª rodada, jogou fora de casa e venceu de 2 a 0 o União Rondonópolis, se mantém na vice liderança com 15 pontos. Sábado dia 31 a Aparecidense volta a jogar em casa, estádio Anibal Batista de Toledo contra o Brasiliense.
O Jaraguá não conseguiu ainda uma vitória em 8 jogos, perdeu para o Brasiliense e foi de goleada, 3 a 0 . A equipe de Goiás até agora conseguiu apenas um empate e 7 derrotas. Próximo jogo do Jaraguá, sábado dia 31 contra o União Rondonópolis em casa, estádio Amintas Freitas.
Brasileiro da segunda Divisão

No Campeonato Brasileiro da Série B, o Goiás decepcionou, era favorito mas acabou perdendo de 2 a 1 para a Ponte Preta pela 14ª rodada. O pior é que a Ponte não vencia há 5 jogos e estava seriamente ameaçada de descer a zona de rebaixamento. Com o resultado o Goiás ocupa a terceira posição com 23 pontos e o próximo compromisso do Goiás acontece daqui na sexta, quando recebe o Operário, às 19h.
O Vila Nova também jogou neste final de semana e empatou em 0 a 0 contra o Cruzeiro no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, Com o resultado o Vila está na 14ª posição com 15 pontos e volta a campo agora sábado, dia 31 contra o Guarani de Campinas as 11 horas da manhã no estádio Brinco de Ouro da Princesa em Campinas São Paulo.
Brasileiro da Primeira Divisão.

E melhor noticia do futebol para Goiás veio da série A do Brasileiro, o Atlético Clube Goianiense jogou na Vila Belmiro contra o Santos e conseguiu vencer de 1 a 0, gol de Zé Roberto em cobrança de pênalti ainda no primeiro tempo aos 19 minutos. A Equipe Goiana conseguiu segurar o Santos que colocou todo o time no ataque. Placar final 1 a 0. O Atlético agora pulou para a sétima posição na competição com 18 pontos, volta a jogar contra o América de Minas Gerais domingo dia 01 de agosto no estádio ANTÔNIO ACCIOLY as 20:30h
No meio de semana o Atlético joga novamente pela Copa do Brasil contra o Atlético do Paraná será quarta-feira, dia 28 na ARENA DA BAIXADA 16h

Os assentamentos de trabalhadores rurais sem terra
O processo de reforma agrária mostra resultados positivos nesta região Oeste de Goiás, muitas famílias saíram de um certo estado de vulnerabilidade social, e insegurança econômica para uma melhor qualidade de vida.
Na região Doverlândia, Caiapônia, Bom Jardim de Goiás, Piranhas e Baliza se destacam com a presença desses trabalhadores que enfrentaram todos os tipos de residência para a conquista, alguns até perderam a vida.

Passados cerca de 20 anos das primeiras movimentações de trabalhadores rurais em busca da terra para o sustento nessa região, a CPT, Comissão Pastoral da Terra, continua a acompanhar a vida dessas pessoas. E hoje vamos informar sobre uma dessas visitas feitas, desta feita em Piranhas Assentamento Nascente São Domingo. Lindomar Neres conversou com uma assentada colhendo o depoimento dela sobre a vida no campo hoje, sobre a importância da agricultura familiar..

E uma boa notícia: as 45 famílias Sem Terra acampadas no assentamento popular Che Guevara, desde dezembro de 2015, no município de Piranhas, em Goiás, conforme já noticiado aqui, que nos últimos meses foram ameaçadas pelo fazendeiro de serem despejadas, conquistaram a suspensão do despejo mais uma vez, agora no Tribunal de Justiça de Goiás.

Esse feito, segundo as lideranças dos assentados, só foi possível graças ao grande apoio de várias partes do país e a resistência dos assentados.
A decisão saiu quarta-feira 22 de julho de 2021, a defesa do fazendeiro pleiteava no Tribunal de Justiça a manutenção do despejo mas foi negado.
A Família dos assentados agradece os coletivos de advogadas e advogados populares que atuaram na defesa do processo:

Importante participação do Coletivo de Advogados Populares (CAP) Luiz Gama, da coordenação do Comitê Goiano de Direitos Humanos Dom Tomás Balduíno, do Núcleo de Assessoria Jurídica Universitária Popular NAJUP Pedro Nascimento e Josiane Evangelista.
A partir da ameaça do retorno do latifúndio, houve uma mobilização e solidariedade de grupos de advogados e outras entidades.

Jovem em estado depressivo tentou se atirar de prédio em Iporá
Uma grande movimentação em Iporá ontem a noite, uma jovem de 17 anos saiu da casa dos pais e comunicou que iria subir em um local alto e de lá se atirar. Um tio da jovem buscava ajuda. A família saiu atrás, todos desesperados buscando encontrá-la, mas tarde, o vigilante Huriel passava pelo local e percebeu o que ocorria e escalou o prédio da igreja Assembleia de Deus. Huriel relatou que nem sabe como conseguiu fazer isso….

Em Iporá, vacinação contra COVID 19 continua
Muita movimentação na Secretaria Municipal de Saúde em Iporá hoje, hoje estão vacinando pessoas a partir de primeira dose para as pessoas a partir dos 43 anos e com comorbidades, os grupos prioritários e também estão fazendo a segunda dose, as pessoas que tomaram a primeira dose até o dia 26 de julho estão sendo esperadas para receber a segunda dose.

E tudo indica que a vacinação vai continuar, GOIÁS RECEBE quase 300 mil DOSES DE VACINAS COVID-19 , informação que vem com SANDRA FONTELLA. Mas a situação da COVID 19 continua sendo de gravidade, as morte continuam, embora tenham diminuído. BRUNO MOREIRA informa que o BRASIL REGISTRA O MENOR NÚMERO DE MORTES POR COVID EM SEIS MESES

Carreata Fora Bolsonaro é realizada em Iporá
Na manhã do último sábado, foi realizada em Iporá uma carreata em protesto ao Governo Bolsonaro.
A manifestação saiu do Lago Pôr do Sol em direção ao Centro, de onde seguiu até a Av. Rio Claro, passando pela Vila Itajubá e retornando ao Lago.

Essa foi a terceira manifestação Fora Bolsonaro em Iporá, que se somou a mais de 500 outras cidades e cerca de 600 mil brasileiros que foram às ruas no dia 24 de julho, dia de mobilização nacional Fora Bolsonaro. Em São Paulo, o ato reuniu 70 mil pessoas e outras 70 mil no Rio de Janeiro. Aconteceram protestos em todas as capitais do país, a exemplo de Goiânia, e em diversas cidades do interior, como Iporá, onde cerca de 50 pessoas integraram a manifestação.

Outros 22 municípios do interior aderiram ao protesto em Goiás, como São Luís de Montes Belos, Rio Verde e Trindade, por exemplo.
Divino da Center Suco, disse que estava na manifestação porque os menos favorecidos estão sofrendo. Professor Antônio da UEG Justificou sua presença na manifestação informando que quer um pais melhor. A professora Madalena disse que não é nada pessoal o fato de estar na manutenção, ela relatou os motivos…

Presente ao ato em Iporá, o empresário Sidnei Bittencourt diz querer o impeachment de Bolsonaro porque vê corrupção no Governo Federal, que teria desconsiderado a pandemia.

O taxista Leandro Barbosa disse que participou do ato por uma questão de consciência política e de exercício da cidadania. Já a funcionária pública Valéria Elias protestou por enxergar fascismo, misoginia, homofobia, preconceito e racismo no Governo Bolsonaro.
Preocupados com o alto índice de contágio de Covid em Iporá, os participantes encontraram na carreata uma solução para manifestar com mais segurança.

Os presentes usaram máscaras e se preocuparam em manter distância de segurança entre si. Durante todo o percurso, a manifestação contou com a presença da Polícia Militar, que garantiu a segurança do ato. Outras manifestações pedindo o impeachment de Bolsonaro já estão programadas para as próximas semanas pelo país. Em Iporá, o movimento tem se organizado pelo perfil @forabolsonaroipora no Facebook e no Instagram.