Coleta de Sangue – UCT de Iporá passa por reforma. Distribuição de hemocomponentes será realizada na UPA da cidade

O prédio da Unidade de Coleta e Transfusão (UCT) de Iporá está passando por uma reforma completa de suas instalações. Desde o dia 16 de julho os atendimentos no local foram suspensos, e a distribuição de hemocomponentes para a cidade e para os 22 municípios atendidos pela UCT será realizada na UPA Dr. Márcio José Gago de Oliveira, localizada na Avenida R1, S/N, Setor Padre Cícero.

Neste período, a região será abastecida pelas bolsas enviadas pelo Hemocentro Coordenador Prof. Nion Albernaz, em Goiânia.
De acordo com a diretora administrativa da Hemorrede Pública de Goiás, Núbia Borges, desde que o Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech) assumiu a gestão da Hemorrede Pública, a instituição vem promovendo a melhoria de todas as unidades. “A previsão de duração da reforma é de 120 dias, com novas mobílias e instalações. Teremos uma fachada mais atual, mais conforto para os doadores com um ambiente mais acolhedor e moderno”, ressalta Núbia.

A diretora-geral da Hemorrede Pública, Denyse Goulart, solicita que os municípios continuem estimulando a captação de doadores de sangue para o Hemocentro Coordenador e Hemocentro Regional de Rio Verde. “Precisamos aumentar nossos estoques de hemocomponentes e a participação da sociedade é fundamental para a realização das doações de sangue”.

O secretário de Estado da Saúde Ismael Alexandrino ressalta que a reforma das unidades visa atender melhor a população da região e atenderá um dos pilares da gestão em saúde do governo Ronaldo Caiado, que é a regionalização. “Com a ampliação da regionalização da saúde já reformamos várias unidades da Hemorrede no interior de Goiás, nas cidades de Porangatu, Ceres, Formosa e Quirinópolis, além do Hemocentro Coordenador, em Goiânia”, finaliza.